Vai competir? Confira as dicas

Vai competir? Confira as dicas

No momento de competir, a mentalização é importante. Visualizar a prova e até, sendo possível, fazer o reconhecimento do trajeto, percorrendo­-o semanas antes, em modo de treino, vai­ te ajudar a dar o máximo de si.


Também é importante ter pensamentos positivos (bater o seu recorde, chegar a um determinado local ou, até, ganhar a corrida!). Meditar com frequência, descansar e dormir as horas certas devem passar a fazer parte de uma rotina indispensável na última semana. Você deve reservar um certo repouso para assimilar todo o trabalho feito e para que os seus músculos estejam descansados face à dura exigência que a prova vai exigir.

Na semana anterior à competição treinaremos apenas num par de dias. Imaginemos que a corrida (como é frequente) é em um domingo. Nesse caso, não faremos nada na segunda- feira. Na terça-­feira faremos uma rodagem muito suave de uns 60’. Na quarta-­feira descansaremos novamente. Na quinta-­feira, depois de um trote de cerca de 10’, faremos algumas séries (poucas, nunca mais de 4) que dependerão da distância em que vamos competir (de 200 metros, se é meio ­fundo, de 400 metros, se é fundo, e de 1000 metros, se é uma maratona), mas que deverão ter um ritmo ligeiramente superior ao previsto para o domingo de competição. Sexta-­feira é novamente dia de descanso e no sábado fazemos um trote muito suave de 10’, seguido de três progressões de 150 metros.

Nessa semana, a alimentação também vai depender da prova. Se somos meio fundistas (Fundistas são aqueles atletas que são especialistas nas distâncias acima de 5.000 metros, e meio-fundistas, nas distâncias inferiores a 3.000 metros), deverá ser muito ligeira e rica em proteínas. Para provas de fundo teremos de fazer uma carga de hidratos no dia antes da prova (um bom prato de massa no sábado ao almoço é suficiente).

Para uma maratona serão três dias de carga (aqui podemos combinar massa, batatas, cereais, arroz…). Na noite anterior costuma ser difícil ter sono, por isso é fundamental dormir bem na sexta­-feira. Na manhã da competição deve levantar­-se com tempo. Tome o pequeno­ almoço, pelo menos, duas horas antes da prova, hidrate-­se bem e não se esqueça de ir ao banheiro, porque depois é muito desconfortável servir-­se dos incômodos sanitários portáteis a que organizações costumam recorrer. Outro truque, que também não é para toda a gente, e que deverá experimentar num dia de treino, é ingerir um gel de hidratos complexos, taurina e cafeína meia hora antes do início da competição.

Quando estiver para partir, posicione­-se junto de corredores que vão fazer tempos semelhantes ao seu. Não é por estar no meio dos mais rápidos que vai ser melhor: pelo contrário, pode desgastar­-se muito rapidamente ao tentar seguir um ritmo que não é o seu. Parta com calma e vá acelerando progressivamente.  Acabe sempre no máximo, dando tudo o que tem e desfrutando da chegada à meta.

Seja bem-vindo à competição e muita boa sorte!




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *